Um blog sobre planejamento,
gestão e otimização de cursos
e treinamentos online.

Fique por dentro de atualizações e novidades e potencialize seus resultados.

Acompanhe e faça parte!

Seu e-mail está seguro. Vamos enviar apenas dicas relevantes para o seu EAD.

Como fazer um webinar pode te trazer ótimos resultados

Uma prática cada vez mais comum tanto no meio corporativo quanto no meio educacional é o webinar. Fazer uma webinar é uma ótima forma tanto de divulgar um negócio quanto tornar o conteúdo mais atrativo para o público. Por isso essa ferramenta tem sido tão usada por diversos segmentos. Mas o que é um webinar? […]

Webinar de sucesso

Uma prática cada vez mais comum tanto no meio corporativo quanto no meio educacional é o webinar.

Fazer uma webinar é uma ótima forma tanto de divulgar um negócio quanto tornar o conteúdo mais atrativo para o público. Por isso essa ferramenta tem sido tão usada por diversos segmentos.

Mas o que é um webinar? Webinar, ou web-based seminar, nada mais é que um seminário online. É um canal usado para transmitir um conteúdo, na maioria das vezes ao vivo.

Nesse artigo, você irá encontrar:
Qual a diferença entre webinar e transmissão ao vivo?
Por que o webinar pode ser valioso?
Como fazer um webinar de sucesso?

  • Público
  • Tema
  • Convidados
  • Roteiro
  • Plataforma
  • Equipamento
  • Landing Page
  • Divulgação
  • Teste
  • Qual a diferença entre webinar e transmissão ao vivo?

    Apesar do webinar e a transmissão ao vivo terem pontos em comum, não são iguais. São parecidos no que tange ao planejamento, benefícios, mas seus princípios são diferentes.

    O webinar é uma espécie de monólogo, pois só tem uma via principal. É claro que você pode, e deve, responder os comentários de sua audiência, mas a essência do webinar é que seja realmente como um seminário. Então o principal não é haver essa troca entre as duas partes, e sim que uma delas exponha o conteúdo para a outra.

    O webinar tem mais estrutura de aula que a transmissão ao vivo. Exatamente por essa característica mais expositiva que interativa.

    Outro ponto é que a transmissão ao vivo é necessariamente ao vivo, já o webinar não. Apesar do mais usual ser transmitir o webinar ao vivo, não é uma regra.

    Por que o webinar pode ser valioso?

    Fazer um webinar é uma ótima estratégia para diversificar os materiais. Essa diversificação é essencial em cursos online, em que o aluno fica mais suscetível a distrações. Não estar localizado num ambiente de ensino, ser seu próprio supervisor, fora todo o entretenimento online são fatores que podem tirar a atenção do aluno. Mas ao oferecer tipos diferentes de material, faz com que o aluno fique mais interessado e estimulado.

    Além disso, é um forma de driblar a pirataria em cursos online. Seguindo a mesma lógica da transmissão ao vivo, caso o pirateador decida filmar, é mais difícil que ele fique por tanto tempo filmando. Isso porque ele teria de usar uma câmera tradicional, já que sendo uma plataforma online segura há proteções para impedi-lo.

    Se tratando do meio corporativo, também há uma série de vantagens. A principal é que é uma ótima estratégia de Inbound Marketing. Pois mostra para o público que você, e consequentemente sua empresa, são autoridades no assunto. Além disso, dar um rosto humaniza a marca, o que aproxima o público. Isso gera confiança, que é o pilar para a decisão de compra.

    O webinar é excelente para a máquina de vendas, pois tem o duplo benefício de aumentar a base de leads e de classificá-las. Primeiro porque o webinar é também uma forma de divulgação e atração do público que, ao se cadastrar para assistir, se torna uma lead no seu banco de dados. E segundo que, seguindo a mesma lógica, as suas leads ao responderem as perguntas da landing page de acesso ao webinar, serão classificadas.

    A confiança  gerada pelo webinar vai tanto auxiliar que as leads avancem no funil de vendas quanto fidelizar aqueles que já são clientes. Ou seja, além do Inbound, o webinar é também um reforço ao branding.

    Como fazer um webinar de sucesso?

    Como vimos, o webinar pode ser muito valioso para diversos segmentos. Mas para que todas as suas vantagens sejam concretizadas, é preciso esforço e planejamento. Seguindo todas essas dicas, seu webinar será um sucesso.

    Público

    Pense em quem é o público, quem você deseja alcançar. Para o webinar usado no meio corporativo, essa decisão é primordial para os próximos passos. Pois a partir dela será possível definir o tema, a divulgação e todos os outros pontos de execução.

    Para definir o público, você pode fazer uma análise da sua base de leads e pensar nas personas que você já tem. Qual dessas personas deve ser o segmento atingido? Qual delas é preciso investir? Pense no momento atual da empresa, junto a que segmento é preciso reforçar o posicionamento? Essas perguntas vão te ajudar a definir o público.

    No caso dos cursos livres, o público será o público do curso. Então a tomada de decisão principal fica por conta do tema.

    Tema

    Um bom começo é analisar quais temas seus alunos enfrentaram mais dificuldade e fazer do webinar um aulão de reforço. Ou mesmo que não tenham tido dificuldade, mas que tenham interesse em se aprofundar mais. Nesse caso, é bom fazer uma pesquisa de opinião.

    A pesquisa de opinião é um bom caminho para a escolha do tema também no caso das empresas. Pois é uma forma de interação, além de mostrar que a empresa se importa com as preferências do público.

    É importante levar em consideração o público escolhido. Pensar se o tema é efetivo para a atração e conversão do público que se quer atingir.

    Convidados

    Inserir convidados no webinar agrega mais conteúdo e experiência. Seu público terá uma perspectiva diferente da que está acostumado a ter no curso.

    Além disso, ter um parceiro no webinar atrai também a audiência que o acompanha. É uma forma de aumentar a divulgação tanto de forma orgânica, quanto a divulgação planejada, que pode ser feita pelo convidado em seus canais.

    No entanto, é preciso escolher com cuidado quem escolher para o seu webinar. Certifique-se de escolher alguém que realmente entenda do assunto tratado, que tenha sintonia com a linguagem utilizada por você. Principalmente se o webinar for ao vivo, você precisa confiar no que o convidado irá dizer. Lembre-se que o parceiro estará atrelado à sua marca.

    Roteiro

    O roteiro do webinar é semelhante ao roteiro de uma aula comum, mas mais descontraído como o roteiro da transmissão ao vivo. Serve para direcionar, e principalmente lembrar os pontos principais do que será falado. Mas não precisa ser seguido a risca como um script, serve como um guia.

    Monte uma estrutura de tópico e sub tópicos com o que deve ser falado. Caso haja convidados, mencione as perguntas que serão feitas e os assuntos que ficarão sob a responsabilidade deles.

    É importante também já deixar definido os materiais usadas e a abordagem. Que caminho será tomado para chegar no ponto principal do assunto.

    Plataforma

    Há várias opções de plataforma webinar na internet. Escolha uma plataforma estável e segura, que suporte a audiência esperada. Para isso, uma dica é ficar atento às métricas de alcance da divulgação e interação do público, para ter uma ideia de quantas pessoas comparecerão. Essa informação vai te ajudar a decidir qual a melhor plataforma.

    As opções mais conhecidas são o Hangouts, do Google, o GoToWebinar e WebinarJam. Há uma infinidade de alternativas. Algumas tem interface mais intuitiva, outras podem ser mais complexas de entender, mas oferecem mais recursos. Também há opções gratuitas e pagas, privadas e públicas. Então vale a pena analisar qual a melhor para você.

    Para os clientes Edools, é possível fazer o webinar dentro da plataforma. Nesse caso, o uso é restrito aos alunos matriculados na Edools. Mas você terá certeza de uma excelente performance, além da segurança.

    Equipamento

    Para que seu público consiga assistir ao seminário online com tranquilidade, sua imagem e som precisam ter qualidade. Por isso, é preciso pensar na câmera, microfone, iluminação, e até cenário.

    São equipamentos essenciais e que farão toda a diferença no resultado de seu webinar. Dessa forma, você pode usar os mesmo equipamentos e jogo de iluminação que indicamos para transmissão ao vivo.

    Landing Page

    A landing page é a página de registro em que seu público vai se cadastrar para assistir ao seminário. Essa página é essencial pois é através dela que sua audiência vai ser convertida em lead para sua base.

    Portanto, elabore uma landing page chamativa e atrativa. Coloque as informações essenciais: tema, principais tópicos que serão tocados, data e horário. Caso haja convidado, use esse espaço também para descrever a carreira dele.

    A landing page tem que ser a cara do seu webinar. É o primeiro contato que seu público terá com o webinar e por isso precisa ser feita com cuidado.

    Divulgação

    Através da divulgação seu público vai saber da existência do seu webinar. Assim, vale a pena investir nessa parte para gerar audiência. Lembre que, nesse caso, mais audiência significa mais leads.

    Mesmo no meio educacional, em que o foco não é a geração de leads, a divulgação ainda é importante. De nada adianta planejar cuidadosamente o webinar se seus alunos sequer sabem que ele irá acontecer. Portanto, independente do segmento, é importante divulgar o webinar.

    As práticas mais comuns para divulgação de webinar são as redes sociais e o email marketing. No caso de gerar novas leads, as redes sociais são uma das melhores estratégias para alcançar outras parcelas do público. Já para trabalhar com as leads existentes, que você certamente já tem o email, o email marketing é um bom recurso.

    Caso o webinar seja voltado para os seus alunos, essa divulgação também pode ser feita através do fórum. O fórum vai gerar um boca a boca, que funciona muito bem.

    Teste

    Finalizando o planejamento, é o momento “mãos à obra”. Agora que todos os componentes estão alinhados, partimos para a execução. É preciso se certificar de que tudo vai funcionar como o esperado. Por isso, antes de começar o seminário, teste todos os equipamentos e a plataforma. Assim, você não é pego desprevenido.

    Caso note intermitências no funcionamento de qualquer uma das ferramentas que serão utilizadas, tenha um plano B. Ter um seminário cancelado em cima da hora, ou durante a execução pode ser um desastre. Dessa forma, garanta que caso algo dê defeito, você possa recorrer a outra ferramenta.

    Conclusão

    Após concluir todos esses passos você está pronto para executar o webinar. E então lembre-se de colher os resultados e feedbacks para a próxima vez.

    Agora o seu webinar só precisa da sua energia e carisma para ser um sucesso!

    Até a próxima!

    Soft Skills: habilidades que destacam profissionais
    Como minimizar os efeitos da pirataria em cursos online?

    Deixe uma resposta

    Seu e-mail está seguro. Vamos enviar apenas dicas relevantes para o seu EAD.