Um blog sobre planejamento,
gestão e otimização de cursos
e treinamentos online.

Fique por dentro de atualizações e novidades e potencialize seus resultados.

Acompanhe e faça parte!

Seu e-mail está seguro. Vamos enviar apenas dicas relevantes para o seu EAD.

Remuneração por competência: o que é, importância e benefícios

A remuneração é um tópico claro no mercado de trabalho, mas e a remuneração por competência? Neste artigo esclarecemos o que é, vantagens, como implantar na sua empresa e outras dicas que irão te ajudar.

remuneração-por-competência

A remuneração por competência é uma forma de incentivo para os funcionários de uma empresa. Dentro do mercado de trabalho estas características é um meio de beneficiar os seus colaboradores.

Este incentivo pode ocorrer de diversos modos, conforme a estratégia e plano da empresa. Hoje este modelo tem sido muito utilizado entre as empresas e também é conhecido como remuneração por performance.

Esta estratégia é muito útil e bem comum entre os profissionais do RH. As empresas que desejam aderir precisa ter um maior conhecimento sobre este tema. Para isto vamos abordar as seguintes questões:

Acompanhe o artigo até o final e fique por dentro do assunto e veja como aplicar na sua empresa. Caso você apresente alguma dúvida, basta deixar sua opinião nos comentários.

Boa leitura!

O que é remuneração por competência

A remuneração por competência é uma forma de garantir que o funcionário receba um incentivo pelos serviços prestados. Ou seja, este processo pode ocorrer em alguns períodos definidos pela empresa.

Existem situações que pode ocorrer semanalmente, trimestral ou mensalmente. Este meio é uma forma de administrar as estratégias de uma empresa para que os seus colaboradores sintam-se motivados.

Para que ocorra o benefício também é feita uma avaliação sobre as atividades, além das suas responsabilidades. Com a análise é possível verificar o papel e como o empregado tem se saído na empresa.

Os benefícios aos funcionários podem ser apresentados de várias formas de desempenho. Para Fleury e Fleury (2004) a competência segue uma categoria de senso comum. Ou seja, ela é usada para que possa designar uma pessoa na realização de algo.

Conforme autores a competência pode ter associação em alguns verbos, tais como:

  • agir;
  • assumir responsabilidades;
  • integrar;
  • mobilizar;
  • saber aprender;
  • saber se engajar;
  • ter visão estratégica.

Outros autores colocam a competência como um conjunto de qualificação na qual acontece na execução de um trabalho de alto nível de desempenho. Já para especialista Maria Odete Rabaglio:

“(…) Competência é um conhecimento, uma habilidade e uma atitude compatível com o desempenho de uma tarefa específica; e é também a capacidade de colocar este potencial em prática sempre que for necessário”.

Vantagens da remuneração por competência

Ao fazer a aplicação da remuneração por competência é possível que isto seja benéfico para o colaborador, assim como no meio na qual ele atua.

Diante disso é possível listar alguns itens que são beneficiados, com a aplicação deste método:

  • com as bonificações a equipe sente-se motivada e mais disposta no ambiente de trabalho;
  • facilita o processo de contratação e seleção dos funcionários pela possibilidade de enquadrar dentro do requisito do cargo;
  • garante que os profissionais busquem o desenvolvimento profissional de forma contínua;
  • garante uma remuneração para os funcionários com valor fixo do salário, de acordo com a competência na qual foi adquirida;
  • os funcionários são reconhecidos graças a sua contribuição, diante do exercício no trabalho;
  • os produtos e serviços da empresa são beneficiados;
  • permite um direcionamento para os usuários, assim como para os cargos e responsabilidades impostas;
  • todos os colaboradores possuem um nível de produtividade elevada e dentro da competitividade do mercado.

Gestão com base nas competências

Toda empresa precisa de uma organização específica, já que todo processo deve basear com o perfil de gestor e por meio da cultura organizacional.

Este trabalho de remuneração por competência deve ser inserido em todas as áreas de trabalho. Ou seja, é preciso que seja aplicado nos canais que existe a gestão das pessoas na empresa.

Através do sistema é possível mensurar vários tipos de competência. Para a gestão esta ação pode trazer o valor econômico na organização e de forma social para o indivíduo. Neste ponto ela pode ter relação com a capacidade de entrega de cada profissional.

Para que este sistema funcione é preciso analisar as competências organizacionais de uma empresa. O ideal é identificar estes itens para que seja possível executar uma tarefa, até mesmo do próprio colaborador.

Seguindo esta linha é feito a análise das informações para que seja possível identificar o treinamento e desenvolvimento do funcionário.

Nesta gestão o trabalho envolve o recrutamento e a seleção, treinamento e desenvolvimento, avaliação do desempenho e a remuneração.

Por meio deste sistema fica mais fácil mensurar todos os tipos de competências da sua organização. Para que seja possível é preciso associar os resultados do funcionário, inclusive seu comportamento e capacidade técnica.

Com este modo fica fácil alinhar os objetivos estratégicos e até o desenvolvimento dos colaboradores. No final de contas vai ser possível garantir as metas estabelecidas e apresentar bons resultados.

Formas de remuneração

Existem alguns métodos de efetuar a remuneração por competência. Deste modo, separamos os principais, vejam quais.

Remuneração fixa

A remuneração fixa é bastante tradicional e pode ser determinada pelo cargo ou conforme função da empresa.

Salário indireto

O salário indireto segue os benefícios sociais, além de ter outras vantagens inclusas.

Remuneração variável

Este método possui vínculo com as metas de desempenho e apresenta participação nos lucros e na remuneração por resultado.

Participação acionária

Este tipo de remuneração é bastante utilizada para garantir o compromisso de longo prazo com a empresa e o funcionário. Normalmente este método tem vínculo com as metas de produtividade.

Outra remuneração

Nesta opção estão inclusas outros itens como prêmios, gratificações e outros meios de garantir o reconhecimento do funcionário.

Como implantar na empresa

Agora que você entende como a remuneração por competência é extremamente útil é preciso saber como usar em sua empresa. A adoção deste processo pode ser feito de forma simplificada, conforme a empresa.

Para auxiliar neste trabalho, vamos listar alguns itens que vão facilitar este processo. Conheça:

  • faça reuniões e brainstorms para que seja possível identificar as competências que sua empresa precisa. Crie uma estratégia para que a aplicação seja feita;
  • com as competências estabelecidas é o momento de saber quais os indicadores na qual eles precisam ser divididos;
  • através desta definição separe a empresa entre os perfis e visualize as competências, cargos e funções. Neste ponto é preciso organizar cada uma;
  • a partir deste processo é possível fazer o recrutamento e a seleção. Utilize testes e entrevistas para que seja feita a avaliação das competências dos candidatos;
  • faça uma relação e coloque os funcionários nas competências que são adequadas ou em uma função na qual ele não exerce. Se possível faça o cruzamento das competências com as que são existentes e faça os treinamentos. não se esqueça de produzir outros investimentos para que ocorra o desenvolvimento dos colaboradores.

No final de contas com a aplicação é possível melhorar suas equipes em diversos pontos do trabalho. Este plano permite também ter uma visão sobre os pontos de insuficiência.

Com esta gestão vai ser possível gerenciar o desempenho com base em critérios mensuráveis e garantir o aumento da produtividade e maximizar os resultados.

Neste ponto todas as equipes vão estar prontas para assumir suas responsabilidades, além de diminuir gastos, tempo e os recursos.

Com as dicas acima vai ser possível implantar a remuneração por competência. Através do método certo é possível ter as respostas e melhorar os resultados.

Gostou do conteúdo? Aproveite e assine nosso blog e receba as novidades por e-mail.

Coloque o seu email aqui para receber gratuitamente as atualizações do blog!


Gravador de tela: quais os melhores para produzir seu curso online
Guia Fórmula de Lançamento: tudo que você queria saber!

Deixe uma resposta

Seu e-mail está seguro. Vamos enviar apenas dicas relevantes para o seu EAD.