Um blog sobre planejamento,
gestão e otimização de cursos
e treinamentos online.

Fique por dentro de atualizações e novidades e potencialize seus resultados.

Acompanhe e faça parte!

Seu e-mail está seguro. Vamos enviar apenas dicas relevantes para o seu EAD.

Por que NÃO contratar plataforma EAD com alunos ilimitados?

Será que ter alunos ilimitados é realmente vantajoso? Descubra o que as empresas EAD não estão te contando sobre esse modelo de precificação

Por que é uma falácia contratar plataforma EAD com alunos ilimitados

O EAD com alunos ilimitados é uma forma de cobrança entre as empresas que fornecem o serviço de uma plataforma de ensino online. Diz respeito a cobrança por armazenamento, com a grande promessa que você atue com alunos ilimitados no seu negócio.

Em um primeiro momento, você pode ter a impressão de que esta proposta pode ser a mais vantajosa, visto que você pode ter quantos alunos você puder ou conseguir, “sem pagar nada a mais” por isso.

No entanto, é importante que você fique bastante atento às complicações que essa decisão pode implicar a você.

Convido você nesse artigo a pensar junto comigo de forma bastante crítica e clara a respeito de qual a melhor forma de você adquirir uma plataforma de ensino online. Pagar de acordo com o número de alunos que estiverem matriculados nos seus cursos? Ou de acordo com a quantidade de conteúdo armazenado em seu software com um EAD com alunos ilimitados?

Coloque o seu email aqui para receber gratuitamente as atualizações do blog!

Nesse artigo, você irá encontrar:
EAD com alunos ilimitados ou cobrança por aluno?
Plataforma EAD com alunos ilimitados

Plataforma EAD com cobrança por alunos

EAD com alunos ilimitados ou cobrança por aluno?

Muitas são as dúvidas e objeções de quem está a procura de uma plataforma EAD para o seu negócio de cursos online. Muitas dessas dúvidas dizem respeito aos diferentes formatos de precificação trabalhados pelas empresas ofertantes.

É possível ver empresas atuando com a ideia de EAD com alunos ilimitados e outras com transferência ilimitada de arquivos ou conteúdos.

As empresas que oferecem o serviço de um ambiente de ensino online possuem grande know-how dessa prática. No entanto, acabam trazendo muitas formas diferentes de precificação aos seus clientes em potencial. Com isso, os clientes ficam perdidos em qual confiar e qual seria o vantajoso para cada caso.

Neste sentido, a maioria das empresas acaba por trabalhar com a promessa de um possível benefício em se ter um EAD com alunos ilimitados.

Nesse caso, o formato de precificação não é baseado no número de alunos que a sua escola possui. Ou no número de colaboradores que estão em treinamento, no caso da educação corporativa. Mas sim na quantidade de conteúdo que você armazena em sua plataforma.

Plataforma EAD com alunos ilimitados (cobrança por armazenamento)

EAD com alunos ilimitados

Nesse caso, a cobrança será feita a partir da quantidade de conteúdo armazenado que você possuir, além do tráfego de dados realizados pelos seus alunos. Mas a quantidade de alunos não influenciará no pagamento.

Parece tentador, não? Mas você consegue entender de fato o que isso significa? Será que você conseguirá medir corretamente o quanto de dados você está utilizando em sua franquia de maneira simples e eficiente? Será que você conseguirá ter uma real noção do quanto que você terá que pagar ao final do mês referente ao uso de dados que foram utilizados?

Muito provavelmente, a resposta para estas questões seria um “não”. E isso pode ser muito perigoso para o seu negócio como um todo, comprometendo, inclusive, a possibilidade de sucesso do mesmo.

Por que EAD com alunos ilimitados é arriscado?

Pode ser muito fácil você estourar o limite de sua franquia mínima mensal que é oferecido a você, sem que você tenha noção disso. E o pior, você poderá arcar com um pagamento que não era esperado.

Uma boa comparação para esse caso seria com a franquia de Internet para a telefonia móvel. Neste caso, sua franquia pode durar 30 dias como também pode durar 5. A diferença é que no seu celular o fornecimento dos dados são bloqueados e em uma plataforma EAD com este tipo de cobrança não.

Você consegue dizer com certeza o motivo do seu pacote de Internet ter acabado em determinado dia? Consegue indicar quais os dados foram utilizados em cada ação que você fez na web? Pois é, é muito difícil ter esse controle.

E o pior é que, no caso da plataforma EAD,  você terá que pagar o excedente no final do mês, em que você só fica sabendo do quanto pagará quando vier a fatura.

Um pouco arriscado isso, não? Todos esses detalhes fazem com que essa modalidade de pagamento seja um tanto quanto perigosa, muitas vezes se passando inclusive por ‘pegadinhas’ de empresas que oferecem esse tipo de serviço, já que é difícil você controlar de maneira eficaz.

Como funciona o limite de tráfego de dados?

Toda essa história de quantidade de conteúdo e de tráfego de dados pode ser traduzido a partir de uma expressão: tamanho de arquivos. Todo arquivo que você insere dentro de sua plataforma tem um peso, ou um tamanho, e quanto maior esse peso mais rápido você atinge a sua franquia.

Se você pensar em criar cursos online ou treinamentos corporativos, o grande foco nestes casos indiscutivelmente, são as videoaulas. E esse é o tipo de arquivo com maior tamanho. Ou seja, que ocupa maior espaço de armazenamento na plataforma. Além disso, é o que mais gera consumo de dados por parte dos seus alunos, pois é o mais utilizado.

Assim, vamos supor que você não tenha conseguido vender cursos online e sua escola tenha 5 alunos ativos. Caso esses 5 alunos fiquem acessando as videoaulas e estudando durante um longo período de tempo, sua franquia será extrapolada facilmente. Você poderá ter um custo muito alto frente a receita obtida através do número de alunos ativos matriculados em sua instituição.

Além disso, você também poderá não oferecer aos seus alunos todos os conteúdos relevantes que o mesmo deseja. Visto que quanto mais conteúdos ou materiais complementares você inserir na plataforma online, menor o espaço restante de sua franquia.Isso inclui videoaulas, slides, documentos diversos, arquivos para download, entre outros.

Em resumo, se você deseja escolher a opção de trabalhar seu EAD com alunos ilimitados, tenha noção dos possíveis riscos que você deve assumir. Como eu disse, é muito difícil medir de fato o consumo de sua franquia. Por isso, seja crítico e analise essa possibilidade com bastante cautela.

Plataforma EAD com cobrança por número de alunos

EAD com alunos ilimitados

Um outro modelo de precificação oferecido é a cobrança por número de alunos. Esse tipo de cobrança é bem mais simples e fácil de você gerir do que a modalidade de EAD com alunos ilimitados.

Neste caso, você será cobrado de acordo com o crescimento do seu negócio. Ou seja, você só vai pagar mais se tiver mais alunos para tal. Dessa forma, é possível que você tenha total controle sobre o quanto irá pagar em sua mensalidade. Sem se preocupar em ser pego de surpresa no final do mês com cobranças sobre armazenamento e tráfego de dados difíceis de prever.

Por que a cobrança por alunos é vantajosa?

É interessante dizer que já vi muitas pessoas transferindo esse custo por aluno para os próprios alunos. Visto que o valor é tão baixo (em média R$ 5,00/aluno/mês) que em alguns casos é possível fazer isso sem maiores problemas.

Outro ponto positivo é a possibilidade de armazenamento e tráfego de dados de forma ilimitada, como é o caso da Edools. Esse formato é completamente o oposto do apresentado, em que se cobra a partir da quantidade de conteúdos armazenados e tráfegos de dados, ainda que tenha EAD com alunos ilimitados.

Na Edools, você pode incluir todos os conteúdos e materiais complementares que desejar. E faz com que o seu aluno tenha tudo o que precisa para adquirir os devidos conhecimentos da forma mais dinâmica possível. Isso porque ele poderá ser impactado por diferentes tipos de materiais que fazem com que a sua experiência seja a melhor possível.

Enfim, essa modalidade de precificação adotado por algumas empresas do mercado de plataformas EAD é considerado bastante inovador, dinâmico e fácil de se controlar. É muito mais eficiente de ser gerida e até mesmo muito mais econômica.

EAD com alunos ilimitados

Conclusão

Após fazermos a comparação entre as modalidades de precificação adotadas por algumas empresas de plataformas EAD no mercado de educação a distância, percebemos o quão mais vantajoso é investir a partir do número de alunos do que pagar por armazenamento de arquivos e tráfego de dados.

Sabendo o número de alunos da sua instituição você já saberá exatamente quanto irá pagar ao final do mês, e não precisará ficar “economizando” na inserção de novos materiais na plataforma.

Isso porque não existe um mínimo para isso, e sim é trabalhado com armazenamento e tráfego de dados ilimitados, melhorando a abordagem e disponibilização de materiais para os seus alunos e colaborando para o sucesso do seu negócio EAD.

Já a promessa de EAD com alunos ilimitados pode ser considerado um recurso marketeiro para que você contrate um serviço sem saber ao certo, em um primeiro momento, a forma de pagamento do mesmo, ou pelo menos tenha dificuldades em saber de fato como seus créditos estão sendo gastos.


Caso ainda tenha dúvidas a respeito das diferenças das modalidade de pagamentos, bem como as vantagens e desvantagens de cada uma delas, entre em contato conosco para saber um pouco mais sobre o assunto ou compartilhe ou comentário neste artigo.

Espero que tenha gostado do conteúdo.

Até a próxima!

Personalização como diferencial competitivo em um EAD

Deixe uma resposta

Seu e-mail está seguro. Vamos enviar apenas dicas relevantes para o seu EAD.