Um blog sobre planejamento,
gestão e otimização de cursos
e treinamentos online.

Fique por dentro de atualizações e novidades e potencialize seus resultados.

Acompanhe e faça parte!

Seu e-mail está seguro. Vamos enviar apenas dicas relevantes para o seu EAD.

Como fazer o controle financeiro do seu negócio digital

Se você deseja ser um empreendedor digital de sucesso, saiba que existem duas palavras que devem andar sempre juntas: Controle e Finanças. E que a soma das duas, resulta em três: planejamento!  Leia este artigo e descubra como sua empresa digital pode, a partir de ações integradas, crescer e ser sustentável!  Como fazer o controle […]

Se você deseja ser um empreendedor digital de sucesso, saiba que existem duas palavras que devem andar sempre juntas: Controle e Finanças.

E que a soma das duas, resulta em três: planejamento

Leia este artigo e descubra como sua empresa digital pode, a partir de ações integradas, crescer e ser sustentável! 

Como fazer o controle financeiro do seu negócio digital

O que é controle financeiro? 

  • É o responsável por gerir as despesas e ganhos, observar o fluxo de caixa – entradas e saídas, realizar investimentos, equilibrar finanças, construir reserva, entre outras ações, manter a saúde financeira do negócio. 

Logo, se você deseja que o controle financeiro da sua empresa tenha uma forte base, saiba que dois documentos precisam ser desenvolvidos: Plano de Negócios e Planejamento Financeiro

Com eles, sua empresa terá solidez desde abertura à sua expansão!   

Mas aí, você para e indaga: eu pretendo trabalhar sozinho, preciso realmente elaborar tais documentos?

Não importa o tamanho do negócio, planejar é primordial para quaisquer tipos de empreendimentos! 

Mas, antes de traçá-los, existem três regrinhas básicas:

  1. Nunca misture sua conta pessoal com a da empresa;
  2. Tenha contas bancárias e cartões de crédito separados (pessoa física e pessoa jurídica);
  3. Estipule para o pró-labore valor compatível com o ganho real da empresa.

Se os três pontos acima forem levados à risca, já é meio caminho andado.

Vamos partir para a prática? 

Confira como o plano de negócios é uma ferramenta completa, e logo em seguida, conheça  os principais passos para um controle financeiro eficiente!  

Elaborando um Plano de Negócios

O plano de negócios é um documento que responde todas as possíveis perguntas de uma empresa.  

O plano vai nortear o empreendimento, desenvolvendo e estudando o mercado, as oportunidades e desafios, os clientes internos/externos, fornecedores, concorrentes, finanças, marketing, vendas…

Com os itens detalhados, objetivos traçados e passos determinados, você diminui os riscos e as incertezas.

Confira os principais passos: 

Sumário Executivo

Este será primeiro tópico, mas você só deve preenchê-lo no final. 

Ele é um espelho da sua empresa, entenda o por quê: 

Descreva o tipo e natureza do negócio, regime tributário, CNAE, sócios, o diferencial da empresa, segmento e mercado de atuação, missão, produtos/serviços e potenciais clientes.

Preveja o faturamento mensal, lucro e prazo para retorno investido.

Estude o mercado

Compreenda as oportunidades, os desafios, os pontos fortes e fracos. Conheça seu cliente e seus concorrentes! 

Analise os fornecedores

Ao descrever minuciosamente seu negócio, você vai entender quem serão os melhores fornecedores. Monte estratégias de negociações e estabeleça uma relação de proximidade. 

Marketing e vendas

Ao detalhar as estratégias de vendas e as metas a serem cumpridas, você estará conhecendo o seu público-alvo. 

E aí já pode dar vida a persona e às formas de divulgação do produto/serviço.

Operacionalizando o dia a dia

Aqui você traça a sua rotina empresarial. 

Quantas horas precisa trabalhar para produzir um número satisfatório a fim de obter uma boa margem de lucro? E quantos clientes a empresa consegue atender? 

Construir um fluxo de trabalho diário é bem interessante. 

Plano Financeiro

Dois objetivos neste ponto: verificar a viabilidade do negócio e manter a saúde financeira!  

Desde a concepção da empresa ao crescimento, o planejamento financeiro faz parte da estratégia. 

falar com um consultor

Ter conhecimento pleno dos demonstrativos de pagamento, recebimento, investimento e cortes de gastos é essencial para ter as rédeas do negócio!  

Lembre que controles financeiros e contábeis andam juntos, portanto, conte com um escritório de contabilidade 100% digital, e siga para o sucesso!

Pronto, agora que você já sabe elaborar um plano de negócio, controlando a empresa na totalidade, dê uma olhada nos pontos seguintes. 

E, conheça como ter as finanças em suas mãos a partir de atitudes corriqueiras! 

Planejamento financeiro e sua importância!

Com o plano de negócios elaborado, você promove um melhor planejamento, garante os melhores investimentos e evita dívidas! 

Ah, lembre, que você ainda pode contar com seu consultor contábil! 

Percebeu como planejamento fará você enxergar com mais amplitude, clareza e tomadas de decisões mais assertivas? 

Verifique abaixo, como expandir, ainda mais, a sua empresa e a lucratividade.

Entenda a situação da sua empresa

O objetivo principal é saber quais são os custos fixos, variáveis, faturamento e vendas mensais, a fim de conhecer o ganho líquido mensal. 

Verifique as despesas dos impostos/taxas com seu contador. Lembre que ele é seu parceiro, e exercendo a contabilidade consultiva, ele poderá te auxiliar em algumas reduções nas despesas, e participar ativamente das decisões com você! 

Por fim, faça um levantamento geral das entradas/saídas e suas respectivas previsões.

Esse apanhado vai te ajudar no próximo item! 

Aumente a eficiência da sua empresa

Uma gestão eficiente é aquela que sabe utilizar os recursos da melhor forma, encontrando meios de reduzir os gastos, aumentando a margem de lucro.

Para isso, revise seus custos, reveja seus contratos com os  fornecedores, verifique qual produto/serviço lhe traz menos lucro.

Passe para o próximo ponto, e utilize os dados acima com mais eficácia!

Análise dos resultados

Nada adianta ter dados, e não saber como aproveitá-los, certo?

Para isso, existem ferramentas digitais gratuitas, que quando as informações são inseridas no sistema, quantificam o desempenho financeiro.

Tais resultados permitem enxergar o futuro da empresa, com mais precisão. 

E, por vezes, em tempo hábil, sem prejuízo, possibilita alterar a estratégia do negócio, rever o planejamento estratégico e suas metas. 

Use a inovação e tecnologia a seu favor

Para o empreendedor digital a inovação e tecnologia é outra dupla que anda colada!

Como vimos, a tecnologia traz possibilidades de cruzar dados, obtendo relatórios e diagnósticos que permitem tomadas de decisões rápidas, eficientes e assertivas.

Então, aproveite o que há de mais novo em finanças e em contabilidade e traga para sua empresa. 

Contrate um escritório de contabilidade tão inovador quanto você. Terceirize o controle financeiro da sua empresa, através do BPO Financeiro

É o sistema responsável pela gestão financeira – pagamento de contas, obrigações tributárias – com margem de erro quase zero, e o melhor, integrado com a gestão contábil! 

Junto a isso trabalhe com contabilidade digital – uma contabilidade 100%, no paper e vai proporcionar a obtenção de informações em tempo real! 

Por fim, vale destacar a contabilidade consultiva – que vai poder te auxiliar, unindo os dados da empresa e vislumbrando um futuro pleno de sucesso! 

Portanto, trabalhar com as três ferramentas potencializa o seu controle, gastando menos!

Com o uso da tecnologia, você se dedica mais a área fim, compreendendo a jornada do seu cliente com mais propriedade!

Ao unir tecnologia, inovação e encantamento/fidelização do cliente, sua empresa vai crescer de maneira segura e sustentável.
Pensou em parceria, pensou em PJ PLUS + e HEROSPARK. Trabalhar com uma galera antenada é a melhor solução!

Infoprodutor: descubra quando você precisa contratar um Contador
PDCA: Como funciona essa metodologia [FÁCIL]

Deixe uma resposta

Seu e-mail está seguro. Vamos enviar apenas dicas relevantes para o seu EAD.