Um blog sobre planejamento,
gestão e otimização de cursos
e treinamentos online.

Fique por dentro de atualizações e novidades e potencialize seus resultados.

Acompanhe e faça parte!

Seu e-mail está seguro. Vamos enviar apenas dicas relevantes para o seu EAD.

Empreendedorismo digital: o que é e como começar o seu negócio?

Leia este artigo e saiba mais como iniciar seu negócio na internet e seja um empreendedor digital de sucesso!

empreendedorismo-digital

Com a crise econômica de 2017, muitos brasileiros que perderam seus empregos vislumbraram um novo nicho para voltar ao mercado ou conseguir manter o padrão de vida. Surgia assim o boom do empreendedorismo no país e, também, do empreendedorismo digital.

De acordo com o Sebrae, de 2015 a 2017 foram mais de 11,1 milhões de empresas criadas por necessidade no Brasil

Empreender virou uma forma de driblar a crise e não ficar sem a renda mensal perdida com as demissões.

A crise econômica fez crescer o chamado empreendedorismo por necessidade que, por acaso, estava em queda nos tempos de crescimento da econômico do país. Ou seja, uma grande parcela da população enxergou no empreendedorismo uma boa oportunidade de negócio, assim como uma forma mais rápida de voltar ao mercado de trabalho.

Mas como empreender sem um dinheiro de investimento inicial que seria usado com funcionários, contratos, alugueis e outros custos para iniciar um negócio?

A resposta é simples: em tempos de internet e pouco investimento inicial, o empreendedorismo digital é o escolhido. Afinal, a modalidade é uma das mais econômicas e com um baixíssimo investimento.

No artigo de hoje, vamos entender um pouco mais sobre alguns pontos como:

Se você gostou dos nossos tópicos, que tal ler um pouco mais sobre o tema no nosso texto abaixo? Vamos falar sobre como começar o seu negócio digital da melhor maneira possível.

O que é empreendedorismo?

Contudo, antes de explicar o passo a passo do digital, vamos entender o que significa o empreendedorismo em sua origem. Desde que o mercado de trabalho aderiu esse atual modelo, empreender faz parte da natureza do ser humano.

Na teoria, empreender é o simples processo da criação e implementação de novos negócios ou mudanças em empresas já existentes. É um termo muito usado no âmbito empresarial e está relacionado com a criação de empresas ou novos produtos, normalmente envolvendo inovações e riscos.

Hoje em dia empreender é algo tão natural, que foi criado até mesmo um reality show onde os maiores empreendedores do país escutam propostas de jovens empreendedores e os avaliam se serão grandes no mercado ou uma total perda de tempo.

O que é preciso para empreender?

O conceito de empreendedorismo foi popularizado em 1945 quando o economista Joseph Schumpeter o usou como base da sua teoria da Destruição Criativa.

De acordo com o economista, o empreendedor é alguém versátil que possui as habilidades técnicas para saber produzir, e ao mesmo tempo capitalista, pois consegue reunir recursos financeiros, organizar operações internas e realizar as vendas da sua empresa.

Mas o que isso quer dizer? Empreender não é só ter uma ideia e colocá-la em prática. O passo inicial de um empreendimento de sucesso é escolher um nicho de mercado.

Após isso, focar em resolver um problema específico de um grupo de pessoas para que você possa chegar até elas. A ideia precisa buscar uma solução assertiva e efetiva para um problema ou necessidade que já foi identificado.

Por exemplo: uma das grandes ideias do empreendedorismo atual é um modelo de negócios no mundo das academias e locais de bem-estar: a Smart Fit. A academia trouxe um local prático, versátil, de fácil acesso em diversos bairros e com uma proposta mais democrática de valores e atividades. O seu publico alvo passou a ser desde jovens que querem manter a forma, até idosos que precisam se exercitar.

Tudo isso para atender a demanda do mundo fitness: algo rápido, barato e sem julgamentos, propostas essas resolvidas pelo modelo da Smart Fit.

Empreender é isso, criar um produto que vá fazer a diferença na vida da sua persona. Seja na vida profissional, na vida pessoal ou na vida social, o objetivo do empreendedor é se tornar indispensável para a vida do consumidor e fazer com que ele se pergunte como ele conseguiu vive até o momento sem aquele produto/estabelecimento.

Se você quer empreender, mas não sabe como começar, que tal assistir a alguns videos bacanas na nossa plataforma online e entender um pouco mais desse mercado.

Quem sabe você mesmo pode se tornar um colaborador e futuramente ter um canal de vídeos para ajudar outros profissionais a darem o primeiro passo? Lembre-se que vídeo aula pode ser um bom caminho para aprender e ensinar no âmbito digital.

O empreendedorismo digital

Sabemos que empreender não é fácil e muito menos barato. Então, se você possui uma grande ideia, mas não tem muito dinheiro para um investimento inicial, que tal tentar o empreendedorismo digital?

O empreendedorismo digital nada mais é do que você criar um empreendimento que funcione quase que 100% de forma digital. Todo o processo de compra e divulgação precisa estar quase que inteiramente na internet.

Um empreendimento digital tem a tecnologia e a inovação como principais pilares do seu negócio e pode ser de vários tipos.

Como qualquer empreendimento, um empreendimento digital visa o lucro, afinal ninguém entra no mundo dos negócios querendo perder dinheiro. Além disso, esse nicho também utiliza formas de trabalho muito mais flexíveis quando comparados aos dos empreendimentos físicos.

Ao contrário de empreendimentos tradicionais no mundo offline, o empreendimento digital requer um investimento inicial muito mais baixo e não demanda qualquer tipo de estrutura física complexa para começar a funcionar.

O pontapé inicial do seu empreendimento digital pode começar na sala da sua casa, com você vestido pijamas e pantufas.

Aprofundando, um empreendimento digital pode ser um e-commerce, um portal de cursos, um serviço oferecido online, um blog, um canal no YouTube, vídeo aulas, palestras sobre determinados assuntos, entre outros. Pense no seu diferencial, no que você pode oferecer para a sua persona e dê o ponta pé inicial na sua empresa digital.

Por que o empreendedorismo digital?

Bom, como dissemos logo no início do artigo de hoje, conheça sua persona, ou seja, conheça seu nicho, para quem você quer vender e por quê? Existe uma oportunidade de negócio aonde você quer empreender? Se você pesquisou e viu que há um vácuo e o seu produto pode solucionar esse vazio essa é a hora de dar início ao seu empreendimento digital.

Se você ainda tem dúvidas sobre o empreendedorismo digital, faça uma rápida pesquisa na internet sobre a compra de computadores no Brasil no último ano.

De acordo com o portal digital da revista americana Forbes, só no primeiro trimestre de 2018, as vendas de computadores no Brasil cresceram 21%, ante o mesmo período de 2017. De janeiro a março do ano passado, foram vendidos 1,34 milhão de computadores, comparados a 1,1 milhão comercializados no primeiro trimestre de 2017.

Apesar de mais de um terço da população brasileira não ter acesso à internet, precisamos reconhecer que é um mercado em crescimento. De acordo com o IBGE, mais de 116 milhões de pessoas estão conectadas à internet. Ou seja, mais da metade dos brasileiros, têm acesso ao mundo virtual.

Além disso, o Brasil é um dos maiores mercados produtores de influenciadores digitais. Desde grandes nomes como Bruna Marquezine, Marina Ruy Barbosa, Anitta, até as blogueiras de lifestyle como Bianca Andrade, Camila Coutinho ou Camila Coelho, que começaram na internet e hoje representam grandes marcas em seus perfis. O produto delas? A própria imagem e estilo de vida.

Claro que você não precisa ser uma blogueira de sucesso para ganhar dinheiro, mas elas são essenciais para entender o poder de alcance da internet. O ambiente digital é capaz de atingir milhões de pessoas em segundos e, quanto mais você entender desse mercado, mais sucesso terá o seu empreendimento digital.

Motivos para se aventurar no empreendedorismo digital

Listamos acima um dos grandes motivos para você investir no empreendedorismo digital, mas agora, nesse tópico, vamos mostrar outros quatro excelentes motivos para entrar com tudo no mundo da internet.

1. Alto desenvolvimento do ambiente digital

Com a constante expansão da internet e a crescente facilidade de acesso ao virtual, a partir de dispositivos como smartphones e tablets, esse ambiente se torna propício não só para a divulgação de produtos e serviços, mas também para a consolidação de empreendimentos totalmente digitais.

2. Negociações dinâmicas

No ambiente virtual é muito mais simples realizar negociações e manter um empreendimento dinâmico. Isso porque é eliminada a necessidade de encontros presenciais, afinal todas as transações são feitas de forma instantânea e, na maioria das vezes, não existem questões como horário de funcionamento ou questões burocráticas com funcionários.

3. Proximidade com o público

Com o crescimento do ambiente digital, mais gente começa a se conectar, tornando muito mais fácil fazer com que seu negócio seja visto e impacte diferentes pessoas em diferentes lugares. Aqui, o importante é saber usar o marketing digital a seu favor e garantir um curso em produção de conteúdo para a web.

4. Baixo custo de investimento inicial

Aluguel, estrutura de loja física, funcionários, horas extras, investimentos em equipamento, móveis, decoração, nada disso faz parte do seu negócio. Aqui, você pode criar um site simples, até mesmo de graça, pois existem inúmeras plataformas disponíveis, e começar a montar o seu negócio.

No empreendedorismo digital, na maioria das vezes, seu recurso inicial será a sua motivação de mudar sua vida e a vida do consumidor e cliente, uma ideia e um computador, nada mais. Sabemos que, de acordo com cada demanda, os valores de investimento podem variar, mas acredite: um empreendimento digital dificilmente vai deixar você endividado logo no início.

Grandes nomes do empreendedorismo digital

Para dar um incentivo maior na sua empreitada no mundo digital, vamos pontuar três dos inúmeros cases de sucesso no empreendedorismo digital.

1. Jeff Bezos

Após ignorar os conselhos do seu antigo chefe e desistir do seu emprego em Nova York para criar a sua plataforma online de venda de livro, o agora grande empresário americano Jeff Bezos cruzou os Estados Unidos de carro até parar em Seattle. O motivo? Muito simples! O local reunia a maior quantidade de programas de software do país.

Após o lançamento da Amazon.com, em 1994, a empresa precisou de seis anos para apresentar o seu primeiro lucro trimestral, mas hoje é um dos maiores e-commerces do mundo.

2. Mark Zuckerberg

Mark Zuckerberg ficou em evidência global quando o filme “A Rede Social” foi lançado para o mundo contando a história de um jovem universitário que desenvolveu o que hoje conhecemos uma das maiores redes sociais do mundo, o Facebook.

E o começo? Foi no seu quarto na universidade de Harvard. O que ajudou o Facebook a se transformar na rede social mais popular do planeta tem muito a ver com esse genial empreendedor obsessivo.

3. Romero Rodrigues

E já que estamos falando de empreendedorismo digital para brasileiros, vamos citar um dos maiores nomes do empreendedorismo digital do país, Romero Rodrigues, criador e CEO do site Buscapé.

O site é o sistema de comparação de valores mais usado em todo o país e todo o seu projeto foi desenvolvido enquanto Romero ainda estava na universidade e, em um curto espaço de tempo, atingiu o sucesso.

Então, prontos para começar a investir no seu empreendimento digital? Esperamos que o artigo de hoje tenha ajudado e encorajado você a tomar esse novo passo na sua vida.

Para mais dicas como essa, assine a nossa Newsletter:

Coloque o seu email aqui para receber gratuitamente as atualizações do blog!

Até a próxima!

4 Dicas para gerar demanda inicial no seu EAD
Tecnologia na gestão de pessoas: 4 soluções incríveis

Deixe uma resposta

Seu e-mail está seguro. Vamos enviar apenas dicas relevantes para o seu EAD.