TUDO SOBRE EAD

Coloque o seu email aqui para receber gratuitamente as atualizações do blog!

Como inovar sua gestão de pessoas através do EAD?


Inovando sua gestão de pessoas através do EAD

Toda empresa almeja colaboradores mais produtivos e alinhados aos objetivos organizacionais. Essas duas características são fundamentais para o sucesso de qualquer negócio e evidenciam a importância de investimentos em programas de educação corporativa para gestão de pessoas.

São esses programas que articulam de forma coerente as competências de cada colaborador com os propósitos gerais da empresa. Este é um importante passo para que os processos corporativos permaneçam em constante inovação e crescimento.

Mas muitos fatores têm prejudicado os resultados alcançados com estratégias de treinamento empresarial. É comum encontrarmos profissionais que deixaram de participar daquela reunião de capacitação devido ao acúmulo de tarefas ou apenas por uma demanda que deveria ser entregue no final do dia.

É neste contexto que o EAD (ensino a distância) tem ganhado força como uma importante ferramenta de educação corporativa – principalmente por ser um treinamento de baixo custo e que consegue se adaptar perfeitamente aos anseios e necessidades de qualquer indivíduo.

Através do ensino a distância o colaborador faz a autogestão dos seus processos de aprendizado e se torna o principal responsável pelo conhecimento adquirido. E porque isso é importante para a gestão de pessoas?

Colaboradores empoderados são motivados constantemente e não desistem facilmente. Eles também desenvolvem habilidades importantes para a produtividade no ambiente de trabalho:

  • Gestão do tempo
  • Comunicação
  • Resolução rápida de problemas
  • Retenção de informação
  • Controle emocional

Quer aumentar o desempenho dos colaboradores e inovar a sua gestão de pessoas? O artigo de hoje irá te mostrar como usar o EAD para atingir esses objetivos!

Porque investir em EAD

Um levantamento feito pela ABED (Associação Brasileira de Educação a Distância) revelou que 49% das empresas que utilizam o EAD em seus processos de capacitação obtiveram um aumento no número de matrículas por parte dos funcionários.

Essa nova realidade de aprendizagem despertou a urgência de uma gestão estratégica de pessoas focada em processos mais inovadores e diferenciados daqueles tradicionalmente usados. Isso foi amplificado com a entrada da Geração Millennial no mercado de trabalho e os avanços tecnológicos.

Dessa forma, o EAD foi ganhando força nos processos de gestão de pessoas e hoje possui diversos benefícios em relação aos métodos tradicionais de treinamento empresarial. Podemos destacar os seguintes pontos positivos do ensino a distância:

1 – Maior comodidade no aprendizado

Em treinamentos tradicionais o colaborador precisa seguir um cronograma específico. O grande problema é que – muitas vezes – o horário escolhido pelos gestores ou a duração do curso podem interromper aquele momento mais produtivo da equipe.

Os cursos online evitam esse obstáculo ao possibilitarem uma maior flexibilidade e comodidade no aprendizado. Os colaboradores conseguem construir uma rotina de estudos baseada em suas necessidades e sem perder o foco no trabalho.

2 – Aumento do comprometimento

A ausência de um instrutor presencial exige que o aluno se comprometa totalmente com os estudos e cumpra as tarefas com responsabilidade. Essa atitude será refletida nos processos de trabalho e na forma como os colaboradores irão lidar com as metas estabelecidas.

Uma dica para tornar esse processo ainda mais eficiente no ambiente de trabalho é incentivar a autogestão e a autonomia dos colaboradores. Isso pode ser feito através da adoção de uma plataforma de gestão estratégica ou apenas ampliando a gestão participativa da organização.         

3 – Redução de custos

Os treinamentos a distância dispensam uma série de gastos (como locomoção e preparação da estrutura física) e são considerados até 66% mais baratos do que as modalidades presenciais – algo que já foi comprovado em uma pesquisa realizada pela Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (FIEMG).

Eles também possuem um melhor custo benefício e são mais acessíveis ao não sofrerem com os obstáculos de localização geográfica, idade ou horário – o que nos leva ao próximo benefício.

4 – Diminuição da taxa de evasão

A flexibilidade desse tipo de capacitação provoca uma diminuição da taxa de evasão e aumento na procura.

Dados da ABED mostraram que as desistências em cursos corporativos a distância é de apenas 3% e o retorno para as empresas pode chegar a 34%. Então não precisa ficar com medo de investir na metodologia pensando que os funcionários irão desistir no meio do caminho.

5 – Possibilidade de analisar métricas

Tem uma frase do estudioso William Deming que diz exatamente o porquê que as empresas devem acompanhar os indicadores de desempenho dos seus funcionários e das estratégias adotadas:

Não se gerencia o que não se mede, não se mede o que não se define, não se define o que não se entende, e não há sucesso no que não se gerencia.

É uma citação simples que evidencia a necessidade de monitorar as métricas para certificar que as estratégias elaboradas estão sendo realmente positivas. E isso é facilmente obtido com uma comparação entre os dados obtidos antes e após a implementação da metodologia.

Conciliando teoria e prática na gestão de pessoas

Inovar os processos da gestão de pessoas através do EAD não significa que as capacitações presenciais serão excluídas da empresa. É importante que o colaborador também tenha acesso a um ambiente em que possa colocar em prática aquilo que foi aprendido virtualmente.

Um ambiente híbrido ajuda na troca de informações e construção de um local de trabalho mais colaborativo. Procure integrar o ensino a distância com algumas práticas presenciais que catalisam a absorção do conhecimento – as mais comuns são:

  • Fóruns de discussões
  • Workshops
  • Reuniões com especialistas
  • Visitas especializadas

Esse entendimento está diretamente relacionado aos estudos da regra 70/20/10 e suas contribuições para que o conhecimento adquirido nos treinamentos se torne perene. Esta regra diz que 70% do aprendizado vem da prática – enquanto 20% ocorre através da orientação e apenas 10% com cursos e leitura.

Ou seja: é fundamental enxergar o aprendizado como um ciclo em que o desenvolvimento dos funcionários depende do esforço individual de cada um e dos recursos disponibilizados pela organização.

Existem outras técnicas que ajudam no impulsionamento dos resultados obtidos com o ensino a distância. Veja a seguir três delas:

1 – Criar um ambiente favorável à socialização

A empresa tem um papel fundamental no processo de incentivar a socialização e a troca de conhecimento entre os funcionários – para que o aprendizado complete aquele ciclo de prática e teoria que falamos anteriormente.

Por isso é importante criar um ambiente baseado no conceito de liderança lateral e gestão participativa. Isso aumentará a liberdade dos colaboradores em propor ideias e soluções relevantes para melhorar determinado processo interno.

2 – Ter certeza que os colaboradores possuem os equipamentos adequados

Outro ponto importante é certificar-se que todos os colaboradores possuem acesso aos equipamentos necessários para realizar o treinamento. Esse processo evitará grandes diferenças entre o desempenho alcançado apenas por problemas técnicos que poderiam ser evitados previamente.

Além disso, acompanhar pontualmente a evolução de cada colaborador pode ajudar a identificar algum problema que esteja afetando o andamento do curso – desde falhas de conexão à internet até o comprometimento do próprio indivíduo.

3 – Usar a gamificação

A gamificação é um conceito que utiliza os recursos dos games para manter o colaborador motivado e engajado com determinado processo. São elementos simples que ajudam a incentivar um comportamento positivo e evitam que o funcionário desista no meio do caminho.

Os elementos mais comuns encontrados na gamificação são os seguintes:

  • Pontuações
  • Emblemas
  • Premiações
  • Medalhas

Por exemplo, ao concluir o curso o colaborador pode acumular pontos que serão trocados por premiações ou até uma folga extra. Este é um ótimo método para reconhecer o bom desempenho dos funcionários e manter a produtividade sempre elevada.

Conclusão

O sucesso de uma estratégia EAD depende da forma como os gestores articulam suas estratégias e conduzem o processo. O principal objetivo deve ser a manutenção do conhecimento adquirido e a integração entre aquilo que foi aprendido virtualmente e as tarefas cotidianas.

Outro ponto importante é a construção de uma cultura empresarial voltada ao relacionamento lateral e autogestão. Lembre-se: o compartilhamento de ideias e opiniões precisa ser constante e incentivando até em processos mais estratégicos.

E como garantir que tudo está dando certo? Através do acompanhamento dos indicadores de desempenho da equipe.

Gostou do artigo? Não deixe de comentar! E se quiser aprender mais sobre inovação em gestão de pessoas, não deixe de conferir os artigos e os materiais gratuitos que nós – da Salpinx – produzimos. Tenho certeza que você irá gostar.


Este é um guest post escrito pela Salpinx, parceira do Edools. 

Por que optar por um checkout transparente em cursos online?
A reputação do professor é o melhor diferencial para o seu curso

Conteúdo VIP

Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!

Sobre Rafaela Espíndola

Graduanda em Comunicação Social - Publicidade e Propaganda. Faz parte do time de Marketing e Comunicação do Edools. É apaixonada por criação e inovação. Não consegue esconder que é canceriana dos pés à cabeça.
Ver todos os posts de Rafaela Espíndola

Deixe uma resposta