TUDO SOBRE EAD

Coloque o seu email aqui para receber gratuitamente as atualizações do blog!

SCORM: tudo o que você precisa saber para o seu EAD


SCORM

O que é SCORM?

SCORM é a sigla referente a expressão Sharable Content Object Reference Mode, que pode ser traduzida como Modelo de Referência de Objeto de Conteúdo Compartilhável. Na prática, podemos dizer que SCORM é um conjunto de padrões e especificações técnicas criados para garantir que haja uma comunicação eficiente entre cursos online e as mais diversas plataformas e-learning existentes.

Aqui, quando eu digo cursos online, nesse caso, estou me referindo aos mais diversos objetos de aprendizagem da modalidade de ensino online, tais como: videoaulas, vídeos diversos, animações, fotografias, games, textos, funções e demais conteúdos em geral.

Deste modo, é importante dizer que a ideia de SCORM não se relaciona com o conceito de design instrucional ou qualquer outra técnica ou metodologia que tem algum tipo de preocupação pedagógica ou de aprendizagem.

O SCORM se relaciona sim com uma normal técnica a ser seguida e utilizada por diversas instituições de ensino online que possuem um LMS (Learning Management System, ou Sistema de Gestão de Aprendizagem) propício para tal.

Apenas como curiosidade, é legal dizer que a primeira versão do SCORM foi desenvolvida no ano de 1999 pela ADL (Advanced Distributed Learning), sendo este um grupo de pesquisadores patrocinados pelo Departamento de Defesa dos Estados Unidos.

Nesse sentido, já foram criadas diversas outras versões do SCORM, sendo que a mais utilizada atualmente no Brasil é o SCORM 1.2, desenvolvido no ano de 2001.

Coloque o seu email aqui para receber gratuitamente as atualizações do blog!

Objetivos do SCORM?

O que é SCORM?

O SCORM demanda que você se adapte aos objetivos pelos quais esse modelo técnico foi desenvolvido. Sendo assim, é importante que você esteja atento aos requisitos técnicos para que a construção do conteúdo em si seja apropriado com o processo de integração com a plataforma e-learning utilizada, sempre pensando em garantir o melhor processo de aprendizado aos seus alunos.

Logo, confira os principais objetivos do SCORM para que você consiga se adequar da melhor maneira possível a este padrão técnico:

Padronizar: A ideia de padronização diz respeito ao que eu havia dito anteriormente sobre oferecer um regra ou uma norma a ser seguida na comunicação entre os mais diversos tipos de conteúdos EAD com as mais diversas plataformas de ensino online disponíveis no mercado que se adequam ao modelo SCORM de aprendizagem.

Flexibilizar: No caso do uso do SCORM, a ideia de flexibilização diz respeito em permitir o uso de objetivos de aprendizados em diferentes momentos no processo de aquisição de conhecimento, além de poder oferecê-lo aos mais variados perfil de alunos em específicos, caso esteja de acordo com o tema do curso por ele contratado.

Universalizar: Também podendo ser caracterizado como portabilidade ou migração, a ideia de universalidade diz respeito a permitir que o objeto de aprendizagem seja utilizado por diferentes instituições de ensino em diferentes ambientes virtuais de aprendizagem, ou LMS.

Reutilizar: A ideia de reutilização diz respeito basicamente a reutilizar os objetos de aprendizagem em diferentes módulos, aulas ou disciplinas entre si de forma a permitir que o proprietário de determinado conteúdo possa utilizá-lo em diversos contextos, formas e períodos diferentes.

Vantagens do SCORM

Vantagens do SCORM

O SCORM proporciona diversas vantagens à instituições de ensino online em geral justamente por se utilizar de um modelo padrão técnico de objeto de conteúdo compartilhável por uma plataforma e-learning.

Deste modo, confira a seguir as principais vantagens de se utilizar o SCORM para incorporar conteúdos diversos da educação online.

  1. Integração completa de objetos de aprendizagem em um único lugar através de fontes diversas;
  2. Oferece uma forma comum e padronizada de compensação de conteúdos diversos;
  3. Oferece um modelo de dados comum a quem o utiliza.

Entrando em um maior detalhamento a respeito de cada uma das três vantagens aqui listadas, podemos entender um pouco melhor sua aplicação neste tópico.

Logo, a primeira vantagem listada do SCORM é que o mesmo possibilita a integração de maneira completa de objetos de aprendizagem em geral reunidos em um único ambiente proveniente de fontes diversas.

Essa vantagem pode ser considerada como a maior do SCORM como um todo. Isso porque ela consiste no aproveitamento de diversos formatos dentro de um único LMS.

Para que você entenda melhor como isso funciona, esse processo só é possível através da API geral do SCORM e de um formato de distribuição oferecido pela mesmo, sendo possível, deste modo, que os dados sejam registrados de maneira simples e rápida e tornando-os extensíveis à diversas plataforma e sendo autoconfiguráveis.

Já a segunda vantagem, oferecer uma forma comum e padronizada de compensação de conteúdos diversos, também é bastante importante. Isso porque a distribuição dos cursos se torna cada vez mais eficiente, visto que os dados do objeto de aprendizado pode ser unificado da forma mais simples e conveniente possível para o produtor do conteúdo.

Por fim, a terceira vantagem listada, oferece um modelo de dados comum a quem o utiliza, também se faz imprescindível. Isso porque isso mostra benefícios tanto para os cursos, que podem ser desenvolvidos de forma independente da uma plataforma EAD escolhida para englobar o projeto EAD como um todo, como também para o LMS, onde conteúdos podem ser criados e inseridos a partir do padrão SCORM seguindo sempre um padrão pré definido para tal.

Teste gratuitamente o Edools por 15 dias.

Desvantagens do SCORM

SCORM Desvantagens

Não são só de vantagens que o SCORM se dá. Atualmente, em um mundo cada vez mais dinâmico, interativo e sempre em busca de criatividade e novas formas de atuação, o SCORM aparece com algumas desvantagens.

A primeira grande desvantagem do SCORM é que o seu padrão ainda funciona de forma imatura. Por mais que já tenham sido lançadas diversas novas versões, as mesmas ainda não atingiram um nível de maturidade no sentido de estabilidade.

Ainda há um longo caminho aqui a ser percorrido até que fiquei de fato com uma usabilidade 100% perfeita para todos os envolvidos nesse processo.

Outra desvantagem que podemos destacar diz respeito que esse mesmo padrão é muito baseado em um ambiente web (mais precisamente em navegadores web).

Isso é uma grande limitação que muitas vezes ocorre uma grande dependência de algumas condições tecnológicas para o seu avanço  e o mesmo acaba ficando muito preso na criação de soluções mais elaboradas e/ou sofisticadas.

Outro ponto negativo diz respeito ao próprio momento tecnológico que estamos vivendo atualmente.

Neste caso, o padrão SCORM ainda apresenta, como eu disse anteriormente, uma dependência muita grande da tecnologia atual e, como hoje em dia as coisas surgem de forma muita rápida em comparação ao passado, essa tecnologia dependente pode simplesmente acabar ou ainda ser substituída por algo mais avançado nos próximos anos.

E, por fim, para fechar essa questão das desvantagens do modelo SCORM, cito aqui a questão de segurança. Isso porque podemos dizer que a segurança da API utilizada pelo SCORM só pode ser garantida de maneira limitada, pois a mesma demanda ser acessada por um navegador web e pode, em alguns casos, ser manipulada por terceiros em consequência disso.

Como você pode perceber, eu citei aqui mais desvantagens do que vantagens do uso do SCORM, mas não se deixe enganar. O SCORM hoje ainda é bastante utilizado por diversas instituições de ensino online e cumpre, muitas vezes, muito bem o seu papel de uma forma em geral e possui diversos benefícios para um e-learning bem estruturado e moldado.

Mesmo com suas limitações, o uso do SCORM pode gerar uma economia muito grande para as empresas que estão nesse mercado EAD. Só a primeira vantagem citada nesse artigo (integração completa de objetos de aprendizagem em um único lugar através de fontes diversas) já consegue se sobressair sobre todas as desvantagens, então considere isso no seu projeto.


SCORM

Enfim, espero que você tenha gostado do conteúdo sobre SCORM aqui produzido e tenha aprendido de fato um pouco mais a respeito sobre o seu conceito e como  funciona na prática esse modelo técnico de padronização de materiais e conteúdos do ensino online.

É importante dizer também que ao criar cursos online com o Edools não é necessário que você conheça a fundo informações técnicas sobre o SCORM e o seu uso aplicado à sua plataforma EAD, muito pelo contrário. A ideia aqui é deixar tudo extremamente simples e intuitivo para qualquer pessoa conseguir trabalhar sem maiores problemas.  

No entanto, é interessante que você no papel de gestor de uma instituição de ensino online tenha uma noção de como esse padrão funciona na prática para lhe dar uma visão mais ampla sobre sua plataforma LMS. Além disso, será possível oferecer a você um maior domínio sobre a produção e manutenção dos seus cursos na modalidade de educação a distância.

Caso tenha interesse, convido você a testar o Edools gratuitamente para ter uma ideia melhor do que eu estou falando. Para fazê-lo, clique no link: Testar o Edools gratis!

Se você ainda tiver alguma dúvida sobre SCORM e sua aplicabilidade, entre em contato conosco que iremos te ajudar em seu projeto EAD ou ainda compartilhe ou comentário sobre esse assunto aqui neste artigo, ok?

Até a próxima!

LMS: guia completo e definitivo para o seu e-learning

Conteúdo VIP

Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!

Sobre Bruno Mendonça

Atualmente é responsável pelo marketing e comunicação do Edools. Já atuou em consultorias de marketing, e-commerce e tem experiência em empresas de educação. É publicitário formado pela ESPM-RJ e possui MBA em Marketing Digital pelo Instituto Infnet.
Ver todos os posts de Bruno Mendonça

Deixe uma resposta