Um blog sobre planejamento,
gestão e otimização de cursos
e treinamentos online.

Fique por dentro de atualizações e novidades e potencialize seus resultados.

Acompanhe e faça parte!

Seu e-mail está seguro. Vamos enviar apenas dicas relevantes para o seu EAD.

Melhore processos da sua empresa com desenvolvimento organizacional

Depois da Era Industrial, mais especificamente a partir da década de 80, o mundo começou a acelerar. Se antes as mudanças eram lentas, desde então elas começaram a acontecer em um piscar de olhos. As constantes mudanças obrigaram os setores de Recursos Humanos a se organizarem melhor e entra em cena o conceito de desenvolvimento organizacional. Vamos entender melhor sobre isso neste artigo.

desenvolvimento-organizacional

A cada ano novas mudanças. Com invenções como microprocessador, fibra óptica e o computador pessoal, as mudanças ganharam o nome de Era da Informação.  E dizer que isso impactou de maneira geral a vida é minimizar o processo. 

Processo esse que revolucionou o modo como nos comunicamos e fazemos negócios. Dentro das empresas, a Era da Informação (ou Era Digital) aumentou a competitividade e fez com que as organizações fossem obrigadas a se adaptar a esse novo meio de produzir. 

As constantes mudanças obrigaram os setores de Recursos Humanos a se organizarem melhor e fazer com que a empresa fosse capaz de absorver tudo isso sem afetar a qualidade da entrega, e usar as novas tecnologias a seu favor.

Entra em cena o conceito de desenvolvimento organizacional, que até hoje é um dos princípios básicos de toda empresa de sucesso.

Por isso, vamos nos aprofundar nesse tema no texto de hoje, com os seguintes tópicos:

No artigo a seguir, vamos explicar como o desenvolvimento organizacional pode ser benéfico para a sua companhia, melhorando os processos e a relação interpessoal dos funcionários. 

Confira abaixo e boa leitura!

O que é Desenvolvimento Organizacional?

O Desenvolvimento Organizacional surgiu bem antes da Era da Informação, em 1962. Seu objetivo era simples: facilitar o desenvolvimento e o crescimento das organizações. Ele se baseia em teorias e pesquisas sobre processos interpessoais e grupais, sendo muito bem definido por French e Bell.

Segundo eles, o Desenvolvimento Organizacional – também conhecido como DO – é:

“esforço de longo prazo, apoiado pela alta direção, no sentido de melhorar os processos de resolução de problemas de renovação organizacional, particularmente por meio de um eficaz e colaborativo diagnóstico e administração da cultura organizacional, com ênfase especial nas equipes formais de trabalho, equipes temporárias e cultura intergrupal – com a assistência de um consultor-facilitador e a utilização da teoria e da tecnologia das ciências comportamentais, incluindo ação e pesquisa”

Ou seja: o Desenvolvimento Organizacional surgiu com a necessidade que as empresas tiveram de se adaptar às mudanças ambientais, cada vez mais rápidas e profundas.

Uma das soluções propostas foi incluir os colaboradores nos assuntos organizacionais, com o entendimento que o valor humano é um dos mais importantes dentro do escritório. Para quem está familiarizado com este termo, o valor ou capital humano refere-se ao conjunto de habilidades e conhecimento dos colaboradores para a realização de seus trabalhos de forma que produza valor econômico à empresa. 

Especialistas no segmento defendem que o capital humano é fundamental para o crescimento da companhia e quanto mais ele é valorizado, melhores são os resultados empresariais. 

A Teoria do Desenvolvimento Organizacional estuda como os ambientes internos e externos podem impactar nos resultados da empresa, e propõe mudanças que unem as metas da empresa com as necessidades de seus empregados. 

Ao juntar o estudo da estrutura com o estudo do comportamento humano nas organizações, os modelos de D.O costumam considerar quatro variáveis:

  • Meio ambiente: Foco em aspectos como a turbulência ambiental, a explosão do conhecimento, a explosão tecnológica, a explosão das comunicações e como essas mudanças impactam nas instituições e valores sociais; 

  • Organização: Aborda o impacto sofrido em decorrência da turbulência ambiental e estudam quais são as características necessárias de dinamismo e flexibilidade organizacional para sobreviver nesse ambiente;

  • Grupo social: Na década de 30, George Elton Mayo conduziu estudos na Western Electric Company, uma das maiores empresas americanas no ramo de Engenharia Elétrica. Entre as conclusões tiradas no fim do experimento, estava a relação da produção com a capacidade social do empregador. Para os estudiosos, ficou claro que as organizações são compostas por grupos sociais e que eles influenciam o comportamento e produção dos colaboradores.

  • Indivíduo: Entende-se que cada pessoa tem suas motivações e age conforme suas necessidades. Por isso o Desenvolvimento Organizacional deve levar em consideração as pessoas como indivíduos. 

Como implementar o Desenvolvimento Organizacional 

São três etapas que compõem a implementação do Desenvolvimento Organizacional em uma empresa.

1. Preparação e Planejamento

A área responsável faz o mapeamento de quais serão as mudanças necessárias e como elas influenciam nas funções desempenhadas na empresa. 

Para isso, é preciso fazer um levantamento de quais são as áreas que mais precisam de intervenção e quais são as consequências dos problemas identificados. 

Depois, o gestor e a equipe planejam o trabalho necessário para que a mudança seja posta em prática. Todos os afetados pelas alterações devem ser avisados com antecedência, para se prepararem e participarem do processo. 

Por mais que a mudança não seja opcional, os colaboradores precisam ser envolvidos e suas opiniões levadas à sério. Se eles não comprarem a ideia, o projeto não vai para frente.

2. Implementação

Depois que o problema é identificado e o planejamento é feito, começa a etapa da implementação. 

São oferecidas capacitações para os profissionais seguirem o que a cultura organizacional propõem, e é feito um acompanhamento para garantir que o curso vai ao encontro das necessidades da empresa – por isso é necessário fazer antes o Levantamento de Necessidades de Treinamento. 

É uma fase que requer paciência e jogo de cintura! Mudanças não são fáceis e podem gerar atritos na equipe, e por isso o gestor e os Recursos Humanos precisam estimular o trabalho em conjunto. 

Em alguns casos, pode valer a pena destacar um funcionário de cada área para servir como “mentor”, alguém que é envolvido nas ações da empresa e que vai ajudar os colegas nessa fase de transição. 

3. Recompensa 

Sim, o desenvolvimento organizacional deve ser acompanhado de recompensas. E quanto maior for a mudança, maior deverá ser o “mimo” dos colaboradores – o que não significa grandes gastos para a empresa. 

Uma vez que as alterações fizeram a organização atingir os resultados esperados, os funcionários devem receber incentivos e recompensas, como vale-compras em alguma loja, folgas ou uma pequena festa. 

É mais um gesto do que qualquer outra coisa, para reconhecer o trabalho coletivo e agradecer o esforço que levou à implementação bem-sucedida do desenvolvimento organizacional.

Como o Desenvolvimento Organizacional pode ajudar a sua empresa?

Agora que você já sabe como implementar o Desenvolvimento Organizacional no dia a dia da sua empresa e assim beneficiar os seus colaboradores, entenda como isso também pode ser vantajoso para a sua empresa:

Clima organizacional favorável 

Dados da Associação Brasileira de Recursos Humanos apontam que colaboradores utilizam apenas 8% de sua capacidade de produção em ambientes ruins e desmotivadores, enquanto esse mesmo índice chega a alcançar 60% em empresas com clima favorável e colaboradores motivados. 

O clima organizacional é uma variável que impacta de forma direta na produtividade, já que a salubridade da organização está ligada a atmosfera psicológica. Esta atmosfera é resultado das percepções das pessoas que passam boa parte do dia no escritório. 

Afinal, de 24 horas do dia, passamos metade dele no escritório. Dessa forma, o Desenvolvimento Organizacional contribui para um clima mais favorável da empresa, melhorando a produtividade e entrega. 

Aumento da satisfação dos funcionários 

Da mesma forma, sem o D.O, novas ideias propostas pela empresa dificilmente serão aceitas pelos funcionários – e se o seu público interno não é engajado com o seu produto, por que seus clientes deveriam ser?

Já entendemos que toda empresa de sucesso se preocupa e muito com o seu capital humano. O Desenvolvimento Organizacional leva em consideração as pessoas enquanto indivíduos e como parte de um grupo social, e entende que esses fatores influenciam em decisões de negócio. 

Quando os colaboradores entendem que suas necessidades importam para a empresa, eles se dedicam mais ao trabalho e se tornam os principais embaixadores da marca. 

Melhoria na produtividade 

Quando a empresa adota um desenvolvimento organizacional, é notado um claro crescimento na produtividade dos colaboradores. Não é para menos: processos confusos e sem direcionamento claro não vão conseguir entregar os projetos com alta qualidade. 

Outro fator que influencia no nível de produtividade é a relação interpessoal dos funcionários: o desenvolvimento organizacional visa minimizar os atritos. Brigas prejudicam diretamente a produtividade, e sem boas práticas de desenvolvimento, os desentendimentos só aumentam e abalam a estrutura da equipe. 

O Desenvolvimento Organizacional se preocupa tanto com a empresa quanto com seus funcionários, alinhando as necessidades dos dois lados para aumentar a adaptabilidade do negócio. 

Leve a teoria para a prática no dia-a-dia da sua organização e veja como os processos vão correr de forma mais fluída, diminuindo o tempo de entrega e aumentando a qualidade.

Para conhecer outros tipos de comportamentos que impactam no seu empreendimento, continue acompanhando nossos artigos e inscreva-se na nossa newsletter:

Coloque o seu email aqui para receber gratuitamente as atualizações do blog!


O que faz um coach e como se tornar um
Dinâmicas de grupo: como o RH pode engajar candidatos e colaboradores

Deixe uma resposta

Seu e-mail está seguro. Vamos enviar apenas dicas relevantes para o seu EAD.